Projecto: PROTECFLOR 2 - Aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI)

 

O Serviço Regional de Proteção Civil, IP-RAM viu aprovada a sua candidatura ao Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, do Fundo de Coesão, que prevê a promoção de investimentos para fazer face a riscos específicos, assegurar a capacidade de resistência às catástrofes e desenvolver sistemas de gestão de catástrofes, de 01 de janeiro de 2017 a 31 de dezembro de 2018. 

Um dos principais objetivos do Serviço Regional de Proteção Civil, IP-RAM, é garantir ao principal agente de proteção civil, os Corpos de Bombeiros, os recursos necessários e suficientes para uma resposta eficaz e eficiente.

Assim, este projeto advém da necessidade de dotar o Dispositivo de Resposta Operacional Regional, de um conjunto de Equipamentos de Proteção e Apoio Individual e Coletivo, do qual sem os mesmo não é possível interceder, e que darão a robustez necessária a um combate eficaz e eficiente, garantido também uma maior proteção, diminuindo desta forma, os riscos suscetíveis de ameaça à segurança e à saúde dos bombeiros.  

Deste modo, o SRPC,IP-RAM, consegue cumprir com o definido na sua orgânica (alínea o, n.º 3 do DLR N.º12/2013/M, que alterou o DLR n.º17/2009/M) onde lhe são definidas responsabilidades ao nível do apoio técnico e financeiro para dotar os corpos de bombeiros dos meios adequados ao cumprimento das suas missões, garantido assim a manutenção da sua capacidade operacional.

 

 - Ficha de Projeto

 

PROTEC2 v2 

BARRA